quarta-feira, 30 de abril de 2014

Porta DVDs


     Esses dias eu pensei em fazer uma postagem sobre o meu porta DVDs aqui no Roger's Stuff, mas fiquei em dúvida se seria conveniente ou não. Daí hoje eu resolvi: vou fazer!
     Minha intenção com essa postagem não é mostrar o objeto em si, que aliás não tem nada de tão especial, mas mostrar a vocês o que eu guardo nele e simultaneamente sugerir a vocês que façam o mesmo (caso vocês tenham vários DVDs assim como eu).


     Desde os primeiros vídeos que eu fiz para o blog eu venho dizendo que eu não gosto de fazer downloads ilegais nem comprar cópias piratas de nada, mas infelizmente isso nem sempre é possível. Existem várias séries, desenhos, programas, etc., que eu gosto muito e que não foram oficialmente lançados em DVD e portanto não estão disponíveis para a compra, logo, minha única opção é baixá-los.
     Eu costumava guardar meus DVDs em uma daquelas embalagens que vêm quando você compra vários DVDs de uma única vez, só que quando eu necessitava de um que estava mais embaixo, era necessário tirar todos os outros que estavam acima. Assim, procurando uma solução para o meu problema eu encontrei esse porta CDs (que eu utilizo como porta DVDs) na Kalunga, pelo valor de R$50,00. Nele cabem 96 CDs e/ou DVDs e eu já uso quase todos esses espaços. Veja abaixo alguns dos DVDs que eu guardo nele:


Todos os episódios das 3 temporadas do "Toma Lá Da Cá" (minha sitcom favorita de todos os tempos)


Alguns episódios de Scooby-Doo; Superman 1941-1942; Tom e Jerry (todos os episódios em inglês)


Uma das minhas séries de televisão favoritas: Chaves


Mais Scooby-Doo (meu desenho favorito ainda hoje)


A melhor série infantil já produzida no Brasil: Castelo Rá Tim Bum (todos os episódios)


E por fim uma das séries que eu adorava ver na TV Cultura durante a minha infância: Mundo da Lua (todos os episódios)


terça-feira, 29 de abril de 2014

Love. Angel. Music. Baby. - Gwen Stefani


     Hoje eu resolvi trazer para o Roger's Stuff um CD que eu planejava comprar desde 2010, mas não havia nenhum disponível nas lojas em que eu costumo comprar e no Mercado Livre estava muito caro. Trata-se do primeiro álbum solo da Gwen Stefani, Love. Angel. Music. Baby. (também estilizado como L.A.M.B.) lançado em 2004.
     Eu "conheci" a Gwen em 2010 quando eu resolvi pesquisar de quem era a música "The Sweet Escape", desde então eu venho escutando suas músicas, com a ressalva de que às vezes eu tenho sentimentos mistos em relação a ela, pois em alguns momentos ela conseguiu fazer músicas bem boas, já em outros ela fez músicas bem fracas.
     Ela lançou dois CDs em sua breve carreira solo, mas meu preferido é o segundo (que em breve chegará para mim) intitulado "The Sweet Escape". Eu consegui comprar seus dois álbuns recentemente por meio do Mercado Livre a preços considerados até módicos, sendo que esse era um CD usado e o "The Sweet Escape" veio lacrado.
     Caso queira ver o encarte completo desse CD clique aqui. Até mais.






segunda-feira, 28 de abril de 2014

Top Cat (Manda Chuva)


     Olá! Na postagem de hoje eu trago um dos boxes da Coleção Hanna-Barbera mais baratos que eu já comprei, e que valeu a pena por ser uma série completa. Trata-se do "Top Cat", ou "Turma do Manda Chuva".
     Esse desenho não fez parte da minha infância, no entanto eu comprei esse box por querer completar a toda a Coleção Hanna-Barbera já lançada no Brasil.
     Em a "Turma do Manda Chuva" nós nos deparamos com um gato capaz de qualquer tramoia para conseguir o que quer, principalmente irritar o Guarda Belo. Manda Chuva e sua turma (composta por Espeto, Bacana, Batatinha, Gênio e Chu-Chu) vivem em um beco de Nova Iorque, que na dublagem em português fora substituída por Brasília.
     Aos interessados, esse é um box que eu sugiro principalmente por conter a série completa produzida na década de 1960. Além de possuir extras e opções de áudio e legendas em português, inglês e espanhol. Até mais.














domingo, 27 de abril de 2014

Canção de Natal - Charles Dickens


     Olá! Nessa postagem eu gostaria de mostrar e falar um pouco sobre um livro que terminei de ler ontem. Trata-se do conto "Canção de Natal" publicado por Charles Dickens pouco antes do Natal de 1843.
     Nesse conto, Dickens narra a história de Ebenezer Scrooge, um homem avarento e frio cujo sócio morre e "manda" três fantasmas (ou espíritos) visitar Scrooge para que o mesmo repense sua vida e passe a ser generoso e gentil para com as pessoas. Assim, Scrooge é visitado pelo Espírito dos Natais passados, pelo Espírito do Natal presente e pelo Espírito dos Natais futuros, que mostram-no momentos e situações que no final contribuem para que Scrooge torne-se uma pessoa melhor.
     Nesse livro, que vendeu bem em sua própria época, Dickens lança uma crítica à sociedade inglesa da época, que assim como o avarento Scrooge, pensava mais em multiplicar suas riquezas do que qualquer outra coisa, lançando mão assim, da solidariedade entre as pessoas.
     Essa edição faz parte da coleção "O Prazer da Leitura" da Editora Abril e custou R$14,90 (preço sugerido). Nela as 74 páginas do texto original em inglês foram traduzidas na íntegra para cerca de 92 páginas no português (são mais páginas por conta das ilustrações presente nos livros dessa coleção).
     Àqueles interessados em histórias que fazem-nos repensar nossos atos enquanto seres humanos, eu sugiro a leitura desse livro, pois para mim o mesmo foi bastante inspirador. Até mais.





sábado, 26 de abril de 2014

In My Mind - Pharrell Williams


     Olá! Nessa postagem eu resolvi falar de um dos CDs que eu comprei pelo Mercado Livre e que chegaram para mim a pouco tempo, trata-se do primeiro álbum solo do Pharrell Williams, intitulado "In My Mind".
     Esse CD foi lançado em 2006 e traz músicas mais voltadas para o Rap, destoando um pouco do gênero trazido pelo Pharrell em seu último álbum. Mas apesar disso eu gostei dele, principalmente pela grande autonomia do Pharrell ao escrever e produzir suas próprias músicas.
     Esse álbum também possui participações de Gwen Stefani, Jay Z, Kanye West, Snoop Dogg, Nelly, Slim Thug e Pusha T.
      Contando com o frete, o valor que eu paguei por ele foi de R$ 35,00. Eu imaginava que esse CD fosse importado, mas quando ele chegou eu reparei que ele fora produzido na Zona Industrial de Manaus, logo, ele está apenas esgotado, todavia, se alguém se interessar talvez ainda seja possível encontrar alguma outra cópia dele no Mercado Livre. Até mais.







segunda-feira, 21 de abril de 2014

João e Maria - Irmãos Grimm


     Olá! Hoje eu resolvi mostrar a vocês mais um livro pertencente à Coleção "No País das Maravilhas" da Editora Record. Trata-se de "João e Maria", uma história que, creio eu, despensa qualquer tipo de resenha.
     Essa minha edição é uma das mais surradas entre as seis que eu tenho, sendo que isso se deve à minha enorme falta de zelo com minhas coisas na infância, no entanto, eu me lembro que eu ganhei esse livro da minha mãe já sem a capa holográfica que originalmente o acompanhava.
     Essa história dos Irmãos Grimm fez e ainda faz parte da infância de grande maioria das pessoas e essa edição da editora Record ilustrada com bonecos é uma das minhas relíquias de infância. Até mais.








Como é visível, infelizmente meu livro foi vítima da ação de traças




domingo, 20 de abril de 2014

I Am... Sasha Fierce - Beyoncé


     Segunda postagem de hoje \o/ \o/. Dessa vez eu resolvi trazer um dos CDs que eu escutei por mais tempo na minha vida (cerca de um ano seguido), até pelo fato de que ele teve sua versão Standard, depois teve duas versões Deluxe (eu tenho as duas, mas essa é a segunda) e por fim teve sua versão Platinum (que infelizmente não foi lançada no Brasil).
     O I Am... Sasha Fierce da Beyoncé foi lançado no fim de 2008, mas eu só comecei a ouvi-lo no início de 2009. Dentre toda a discografia da Beyoncé esse é meu CD favorito e ainda acho que seja o melhor de todos os álbuns que ela já lançou.
     É difícil estabelecer uma lista com minhas músicas favoritas desse CD, portanto, não o farei. Esse foi um álbum que me marcou imensamente: é só eu botá-lo para ouvir que eu me lembro do caminho que eu percorria de bicicleta até minha escola. Entretanto, esse álbum não marcou apenas a mim, mas a várias outras pessoas, haja vista a enorme popularidade que Beyoncé alcançou desde então.